Aglomerados de baleias Bitcoin identificam o nível de suporte chave para que o rali continue

Os aglomerados de baleias Bitcoin mostram US $ 23.409 como uma área de suporte chave, o que significa que o rally em andamento tem um piso forte.

Os aglomerados de baleias Bitcoin ( BTC ) mostram que o nível de US $ 23.409 se tornou uma área de foco para grandes comerciantes. Isso indica que a corrida de touros em andamento é impulsionada por baleias que continuam a acumular mais de US $ 23.000.

Os aglomerados de baleias se formam quando as baleias compram Bitcoin e não transferem suas propriedades BTC do preço de compra. Os clusters são úteis para determinar os níveis de suporte do Bitcoin, especialmente quando o mercado se move rapidamente.

„Não deve ser inferior a $ 23.409“

De acordo com analistas da Whalemap, uma empresa de análise de dados que rastreia a atividade das baleias em Bitcoin, o BTC formou um piso forte na faixa de US $ 23.000 a US $ 23.500. Eles disseram :

“Surpreendentemente, grandes quantidades de perdas estavam fluindo na cadeia a preços de 19 mil. Quando isso acontece em condições de alta, o BTC nos dá boas altas (10k -> 20k da última vez). Temos vários suportes fortes a preços recentes também … Não deve ser inferior a US $ 23.409. ”

É importante para o Bitcoin estabelecer áreas de suporte sólidas durante uma corrida de touro devido ao risco de correções repentinas. Se os aglomerados de baleias estiverem presentes em altos níveis de preços, como US $ 23.409, então as baleias provavelmente farão lances um pouco mais altos e manterão o impulso do Bitcoin.

Peter Brandt, um trader de longa data, identificou a linha parabólica do Bitcoin que remonta a outubro como uma área-chave a ser observada.

Gráfico diário de preços BTC / USD com linhas de tendência. Fonte: TradingView.com, Peter Brandt
A linha indica $ 24.000 como a área de suporte crítica, o que significaria que o BTC precisa ficar acima dela para evitar uma grande queda. Brandt escreveu :

“Bitcoin $ BTC está avançando em movimento parabólico desde a baixa de setembro de 20. Espero que essa curva seja violada em algum ponto, mas não produza um declínio de 80%. A curva verde é um avanço parabólico maior das mínimas de dezembro de 2018 e março de 2020. Este é o motor do mercado em alta. ”
No curto prazo, os grupos de baleias e a linha de tendência parabólica mostram que $ 23.409 e $ 24.000 são os dois níveis principais que o Bitcoin deve manter.

Abaixo de US $ 24.000, as chances de uma correção acelerada aumentam, o que pode piorar se as áreas de apoio aos aglomerados de baleias forem violadas.

Onde o BTC alcançaria o topo?

Os comerciantes geralmente acreditam que o Bitcoin pode subir para dois níveis: $ 30.000 e $ 36.000. Este último se tornou uma previsão popular de curto prazo porque o mercado de opções indica uma alta probabilidade de $ 36.000 serem atingidos nos próximos meses. Claro, o primeiro é um nível psicológico fundamental.

Um pseudônimo de negociante conhecido como “General Bizantino” disse que prevê que o Bitcoin chega a US $ 30.000. Ele explicou que $ 30.000 é o nível de “extensão de proporção de ouro” e também tem pedidos de venda na Coinbase e Bitfinex. Ele disse :

“Acho que este rali termina a meio-termo por volta dos 30k. É a extensão da proporção áurea. Também aconteceu de ser onde CB & Finex conseguiram perguntas gordas por aí. ”

Em 27 de dezembro, a Cointelegraph relatou que o Bitcoin imediatamente viu grande volatilidade, perdendo 6,5% em um intervalo de algumas horas após o preço atingir $ 28.200 nas principais bolsas. Dado que as áreas de resistência com grande escaneamento de pedidos de venda enfrentam grandes retrocessos, a área de $ 30.000 pode representar um grande obstáculo de curto prazo para o Bitcoin.

A look at the data situation: Quo vadis, Bitcoin?

A look at the data situation: Quo vadis, Bitcoin?

Among other benefits, Bitcoin is a giant step towards more transparent financial markets. In addition to transaction activity, indicators such as the hash rate can also be read on the block chain. Time to take a look under the bonnet.

Yawn! Bitcoin’s share price behaviour in this Corona-December is anything but volatile. Rather the Bitcoin Sunrise crypto currency no. 1 has been describing a sideways trend since the beginning of the month. Quo vadis, Bitcoin? A look at the data situation.

Hash Rate

One thing first: As things stand, you don’t have to worry about the hash rate. The accumulated computing power in the network lost significant momentum at the end of October. In the meantime, however, the miners are back on board and are supplying Bitcoin with sufficient power. According to market observers, the slump in October this year was due to the end of the rainy season in Sichuan. Miners operate their Bitcoin mines in the southwest Chinese province with electricity generated from hydropower. If there is no rain, the water level of the dams drops and electricity becomes more expensive. This usually forces the miners to change locations, which is also reflected in the hash rate.

Currently, the hash rate is heading for a new all-time high. At the time of going to press, it is 137 exahashes per second (EH/s) and is thus only around 6 per cent behind the all-time high of 146 EH/s. An all around bullish signal.

Active Addresses Sentiment: Slow recovery?

Sideways gears like this may not be very productive for observers. However, they are essential for the long-term price development. Bitcoin was overheated after its November rally, which even manifested itself in a new all-time high. The setback to just under USD 18,000 (USD) on 9 December can be confidently seen as a healthy price correction.

If you take a look at the Active Addresses Sentiment, for example, you will notice that BTC has been trading in the „red zone“ for quite some time, more precisely since 19 October. Let us remember: If the Bitcoin price rises too quickly in too short a time, it cannot be supported by the growth of active addresses, a price correction is likely.

These days „Orange Coin“ has been trading in the healthy range between the red and green dotted line again. So the network conditions for a new upward trend are being straightened.

Transaction history

The size of Bitcoin has already grown, as can be seen from the transactions. Every day 250,000 to 300,000 BTC change address. At a market value of around 18,500 US dollars, this represents between 4.6 and 5.5 billion US dollars per day processed by the network.

This makes BTC the largest decentralised money network in the world. Even if BTC did not attract attention for a while, the crypto currency has been functioning perfectly since its genesis – and is transporting ever larger sums of money.

Profitable Bitcoin days

And another hint for bearishly tuned Bitcoiner: crabwalks and price setbacks do not last long in bull markets. If you take a look at the profitable Bitcoin days, you will see that it was a good idea to invest in the crypto currency on 99.6 percent of the days. Only on 16 days was the price higher than today.